GLIOBLASTOMA MULTIFORME

Características

     Os tumores cerebrais primários dividem-se, basicamente, em dois grupos: os gliais e os não gliais. Dentro do primeiro conjunto, o glioblastoma multiforme é o mais comum e mais agressivo. Na verdade, esse tipo de tumor é o primário mais frequente encontrado no cérebro. Devido a seu crescimento altamente agressivo, os vasos sanguineos vão se rompendo e forma-se, em seu interior, uma área necrótica, desvitalizada. Possui grande potencial de disseminação. Ocorre, geralmente, em pacientes com mais de 50 anos.

Clínica e Diagnóstico

     Como a grande maioria das patologias neurocirúrgicas cerebrais, o sintoma mais corriqueiro é a cefaléia. Dependendo do grau de infiltração alteração de consciência e crises convulsivas podem  ocorrer. O diagnóstico é firmado, preferencialmente, com uma ressonância de encéfalo. Essa demontra uma lesão com anel e centro necrótico.

Tratamento

     O melhor tratamento disponível ainda é a cirurgia com ressecção máxima seguida de radioterapia. Existe uma discussão muito grande a respeito da quimioterapia, mas essa ainda não influencia de modo significativo na sobre vida. O prognóstico é muito ruim, com média de vida em torno de 1 ano. Caso permaneça com dúvidas, marque já sua consulta.

Rafael Oliveira - Médico Neurocirurgião e Cirurgia de Coluna

Porto Alegre - RS

Dr Rafael Oliveira
2019 - Todos os direitos reservados
  • Instagram - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle

UA-77380970-1