O que são polineuropatias induzidas?

     As polineuropatias induzidas ocorrem quando mais de um nervo é acometido ao mesmo tempo por um doença ou por um fator externo. Tais condições podem ser secundárias a diversas causas. Entre elas pode-se citar distúrbios metabólicos, nutricionais ou infecciosos. As situações geradoras mais comuns são a diabetes, o uso de drogas e a infecção por HIV.

      Causada pela lesão gerada pelo excesso de glicose na corrente sanguinea. Mais de 50% dos pacientes diabéticos irão desenvolver algum grau de neuropatia. Geralmente, afeta mais os pés e pernas do que os membros superiores e é caracterizada por  por dores, formigamentos e queimação. O diagnóstico é confirmado pela eletroneuromiografia (ENMG) e o tratamento é embasado em um controle rigoroso da glicemia. O uso de antidepressivos como amitriptilina ou paroxetina podem contribuir nos sintomas sensitivos.

Polineuropatia Diabética
Polineuropatia induzida pelo uso de drogas

      Várias drogas estão associadas ao desenvolvimento de neuropatias periféricas tais como metronidazol, amitriptilina, fenitoína, nitrofurantoína, tálio, arsênico e medicamentos utilizados para tratamentos quimioterápicos.

Polineuropatia associada ao HIV

     Estudos demonstram que 3 a 4% dos pacientes portadores de HIV irão desenvolver algum grau de neuroparia periférica. A ocorrência é mais comum nos pés e é caracterizada por dormência, dor e formigamento. É importante estar atento pois os medicamentos utilizados para tratar a AIDS também podem ser os causadores dos dirtúrbios nervosos.

Rafael Oliveira - Médico Neurocirurgião e Cirurgia de Coluna

Porto Alegre - RS

POLINEUROPATIAS INDUZIDAS

Dr Rafael Oliveira
2019 - Todos os direitos reservados
  • Instagram - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle

UA-77380970-1